Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Influenciadores

Dicas, partilha de experiências e best practices sobre blogging e influenciadores digitais

29.Out.17

Entrevista Pedro Caramez, especialista em LinkedIn: O que deve saber sobre o LinkedIn

Pedro Caramez

Pedro Caramez é consultor e formador em Marketing Digital, Social selling e Social recruiting. Para além disso, ajuda empresas a potenciar a sua presença nas redes sociais, especialmente, na rede social de negócios e networking LinkedIn.

 

Nesta entrevista o Pedro fala-nos um pouco sobre a rede social e como começou a tornar-se especialista. Dá também dicas a bloggers para explorarem o LinkedIn e o que devem ou não devem fazer. 

 

Com tantas redes sociais, porque decidiu tornar-se expert em LinkedIn?

Agradeço o convite para falar sobre a minha paixão sobre a rede profissional Linkedin. Antes de mais, convém explicar os leitores de que não tenho qualquer envolvimento com a empresa Linkedin Corporation. Aderi à rede em 2007 e desde cedo senti o potencial e alcance que podia obter com a presença nesta rede. Comecei provocado pela minha atividade académica enquanto professor, procurando novas estratégias para os jovens licenciados que finalizavam os seus cursos. O que aconteceu de seguida foi uma enorme montanha russa que me trouxe para este mundo digital.

A forma como tudo parecia próximo no Linkedin: as pessoas, as empresas, as ofertas de emprego em qualquer parte do mundo e o espaço para poder partilhar conhecimento com outros utilizadores.

Não decidi tornar-me expert... foi acontecendo! Quando comecei nunca imaginei que isto provocasse uma mudança de vida tão grande.


O LinkedIn tem vindo a registar números muito interessantes em termos de alcance orgânico. Enquanto especialista nesta rede social, porque acha que tal tem vindo a acontecer?
Esta força do alcance orgânico surge para potenciar o uso da rede em relação a outras. Os números têm sido impressionantes mesmo para quem, como eu, tem uma rede grande. Os meus últimos posts estão a atingir números superiores a 30000 visualizações! Convém dizer que faço várias publicações diariamente.

Os posts que estão a gerar maior alcance apresentam apenas texto sem qualquer outro recurso adicional: foto, link ou vídeo.

1

 

Por exemplo, uma blogger de moda que queira diversificar a sua presença nas redes sociais deve também ter presença no LinkedIn? Que tipo de conteúdos seriam os mais adequados?

Embora esta rede social possa não ser à partida a melhor opção, a verdade é que vou tentar algumas das 520 milhões de razões para estar presente por aqui.

Para além de um perfil forte que ilustre as suas áreas de atuação, a estratégia de conteúdos deve ser bem pensada. Aliás os decisores que podem apoiar a blogger estão mais presentes por aqui!

A presença neste rede potencia a notoriedade da sua marca, não sendo objetivo "vender" produto mas sim a força da sua marca pessoal. Para além do que publica, a relevância recai também naquilo que "ouve" e que gosta ou comenta!


Como pode um blogger chegar ao contato com decisores de uma marca (por exemplo diretor de marketing) através do LinkedIn, sem ser com recurso a anúncios pagos? Qual a melhor abordagem?

A melhor abordagem passa pelo desenvolvimento inteligente da rede de contactos, agregando pessoas da indústria. Diz-me quem tens na tua rede Linkedin, dir-te-ei quem és e onde atuas! Esta força relacional ajudará certamente a posicionar-se junto de quem pode ter impacto positivo na sua atividade de blogger. Mas advirto para não chegar com vontade "impediosa" de fechar negócios à primeira abordagem. As coisas podem não correr bem! Socialize, envolva-se, mostre um pouco do que faz ou pensa... a aproximação será mais fácil.

2

 

Que bloggers segue no LinkedIn? Algum que se destaque pelas boas práticas?
Como sabem, o Linkedin tem uma área de publicações onde diariamente são escritos muitos textos. Anualmente e em alguns países, o Linkedin seleciona as TOP VOICES. O ano passado identifiquei vários profissionais portugueses que publicam textos de grande qualidade: aqui

Internacionais - Brasil:
Flavia Gamonar
Paulo Silvestre

Consistência & Regularidade!


Quais os elementos num perfil de LinkedIn que considera essenciais estarem otimizados?

Aponto 3 pontos chave que são os cartões de visita do Linkedin:
1. Foto
- Atual
- No contexto do seu posicionamento profissional

2. Título Profissional
- O título profissional é a primeira informação que outros visualizam no Linkedin!
- Queremos causar boa impressão! O título deve sintetizar o que vale no mercado!
- Adicione o seu cargo | ou os cargos que procura!
- Adicione a sua Proposta de Valor: Ajudo X a fazer Y!
- Adicione as suas especialidades - funcionam como palavras-chave!

Não coloque: 
- Desempregado
- À procura de novos desafios
- Entre projetos
- Estudante
- Blogger- demasiado vago; Vlogger - demasiado vago.

3. Resumo
Quem é? O que faz | a sua proposta de valor ao mercado? O que escreve ?

 

3

Dado que há muitos anos que acompanha de (muito) perto o LinkedIn, para onde acha que a rede caminha?

A rede foi adquirida no final do ano passado pela Microsoft e está a viver as suas primeiras manifestações desta nova relação com a integração em produtos da Microsoft como o Dynamics365. Vamos continuar a ver esta integração.

A rede está finalmente a ouvir os seus membros e estão a surgir muitas boas novidades com destaque para o vídeo - finalmente! Continuará a consolidar o seu espaço como o ecosistema favorito dos profissionais.

 

 

Muito obrigada Pedro!

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.